Notícias

Cursos da UNA-SUS/UFMA são pioneiros em acessibilidade dentro da Rede do Programa Governamental do Ministério da Saúde, afirma especialista em acessibilidade digital

A convite da Rede UNA-SUS, professor Davi Viana ministra Webinário “Acessibilidade nos cursos da UNA-SUS/UFMA”

Com o objetivo de compartilhar experiências sobre o cenário inovador criado no âmbito da acessibilidade para o ambiente virtual de aprendizagem, o Prof. Dr. Davi Viana, especialista em Acessibilidade Digital e Análise de Sistemas na T.I da UNA-SUS/UFMA, apresentou, na terça-feira, 19, o Webinário “Acessibilidade nos cursos da UNA-SUS/UFMA” promovido pela Rede da Universidade Aberta do SUS, do Ministério da Saúde.

Considerando os requisitos impostos por padrões internacionais e pelas diretrizes de Acessibilidade Digital do Governo Federal, e buscando uma maior inclusão de alunos e o acesso mais completo aos ambientes e recursos disponibilizados pelo ambiente de Virtual de Aprendizagem, a UNA-SUS/UFMA, coordenado pela DTED, se tornou uma referência em inclusão digital na educação a distância.

“Com o apoio de toda a equipe da TI, fizemos as adaptações necessárias, desde o código fonte aos aspectos visuais das telas e recursos. Posteriormente, sensibilizamos as equipes de produção – pedagógico e comunicação – para preparar os conteúdos com aspectos de acessibilidade”, descreveu Viana.

O SAITE AVA, ambiente virtual de aprendizagem criado pela UNA-SUS/UFMA, oferece, atualmente, mais de 30 recursos, como e-books, games, infográficos interativos, cartilhas em PDF, vídeos, podcasts, entre outros, todos em formato web e mobile.

“Os recursos educacionais são centrados no aluno, produzidos por uma equipe multidisciplinar, com a inserção de materiais ricos em detalhes e que tornam o aprendizado mais dinâmico e adaptado para a temática do curso. Vale destacar, também, a valiosa contribuição da empresa privada Mil Palavras, especializada na preparação de conteúdo com acessibilidade, para fazer as audiodescrições acessíveis. Na validação dos recursos, contamos com o apoio de um profissional da equipe com deficiência visual, que avalia o material na prática”, explicou.

Segundo Viana, entre as 36 instituições da Rede, a UNA-SUS/UFMA é pioneira nesse movimento. “Cada vez mais as universidades e outras instituições serão cobradas por inclusão digital. Apesar de termos leis e diretrizes voltadas à acessibilidade, a UNA-SUS/UFMA foi pioneira no conteúdo mobile e no trabalho com designer da interação e experiência do usuário em seus produtos educacionais. Esperamos, assim, que essa discussão possibilite uma troca de conhecimento e oportunize o engajamento de outros membros e a disseminação da informação”, declarou.

Cadastrado Por: Maiara Pacheco
Ultima edição Por: Maiara Pacheco
Data de Publicação: 21/10/2021